Mancais de Rolamentos. Você sabe o que é?

Mancais de Rolamento

Provavelmente você já tenha ouvido falar sobre mancal para rolamento, mas você sabe exatamente o que é um mancal? Qual a sua função? Para que serve? Nesse artigo vamos explicar direitinho cada um desses itens.

Mancais são elementos de máquinas que foram fabricados para servir de apoio fixo aos elementos dotados de movimentos giratórios, no caso estamos falando dos eixos. A grande maioria dos equipamentos e máquinas possuem mancais compostos neles, eles tem como função dentro desses equipamentos posicionarem um elemento de máquina que gira em relação a outro, assegurando a movimentação rotativa entre duas superfícies com um baixo nível de atrito.

Agora que sabemos qual a função do mancal, ele pode ser classificado em alguns tipos, sendo eles:

  • Mancais deslizantes
  • Mancais de rolamento

Mancais de Deslizamento

Mancais de deslizamento

Os mancais deslizantes conhecidos também como buchas ou casquilhos, geralmente são encontrados em forma cilíndrica e não são compostos por partes móveis.

Esse tipo de produto tem a sua utilização para movimentos deslizantes, oscilatórios, rotativos ou alternativos. Em aplicações de deslizamento eles têm sua função como mancais deslizantes, placas de desgastes ou tiras. Nessas aplicações geralmente as superfícies de deslizamento são planas, mas podem ser cilíndricas também e os movimentos contidos nelas é sempre linear em vez de rotativo. Agora para as aplicações giratórias já envolvem superfícies cilíndricas e uma ou até mesmo duas direções de movimento. E as que envolvem movimentos bidirecionais são aquelas aplicações oscilantes e alternativas que envolvem superfícies planas ou cilíndricas.

Falando sobre a construção dos mancais de deslizamento, eles podem ser sólida ou com junta aberta para que facilite a instalação. É sempre muito importante combinar o mancal com a aplicação. Aplicações que necessitam de carga elevadas necessitam de mancais com maior área de contato e que possuam alta capacidade de carga. Os mancais que possuem lubrificantes sólidos foram projetados para ter sua funcionalidade em temperaturas mais alta comparado aqueles lubrificantes a óleo ou graxa. E nas aplicações onde aja alta velocidade exigem lubrificantes especiais para que possam minimizar o acúmulo de atrito e calor. Os mancais de deslizamento podem ser fabricados e encontrados em diversas e diferentes configurações, e cada um deles depende das condições de operação da aplicação e dos seus requisitos de desempenho. Podemos citar algumas dessas variações: Mancais de deslizamento de metal polímetro, mancais de deslizamento que podem ser fabricados com plástico de engenharia, mancais compósitos reforçados com fibras e mancais de deslizamento em bronze, monometálicos, bimetálicos e sinterizados.

Manutenção dos mancais de deslizamento

Devido a esse tipo de equipamento estar sempre sujeito a muito atrito eles necessitam de uma lubrificação eficiente, as forças de atrito que se opõem ao deslocamento do eixo geram desgaste e calor, devido a esses motivos, eles necessitam de uma estrutura que facilite sua montagem e desmontagem e a troca de componentes. Os mancais devem ser lavados com querosene para que os produtos e fluidos expostos dissolvam, e em seguida o lubrificante utilizado na peça deve ser aplicado novamente, tomando cuidado para não contaminar o lubrificante. O seu alinhamento pode ser executado colocando o eixo sobre o mancal girando-o para que possa observar as marcas que ficam devido ao atrito, eles precisam ser uniformes. A folga existente neles também precisa ser verificada com uma lâmina calibrada, o que garante que o eixo possa girar livremente

Mancais de Rolamento

Mancais de rolamentos

Os mancais de rolamentos são compostos por dois anéis concêntricos e entre eles possuem elementos rolantes, como esferas, roletes, agulhas. Esse tipo de mancal é indicado para projetos que necessitam de maior velocidade e menor atrito. Para projetos que necessitam de uma alta velocidade e um atrito menor essa é a melhor opção de mancal, pois ele foi projetado para suportar essas condições. A redução de atrito é um fator muito importante para evitar perda de energia e garantir que o movimento entre as partes ocorra de maneira mais suave. Para verificar o funcionamento de mancais de rolamento é muito fácil, para avaliar seu giro pode ser feita manualmente, através da rotação do rolamento composto nele, assim podendo ser identificadas possíveis dificuldades referente à sua rotação. Através de barulhos causados pelos mancais de rolamentos também é possível identificar algum problema provenientes do contato com alguma superfície. Caso o barulho seja identificado é recomendável que os mancais recebam lubrificação, consertados ou até mesmo trocados caso aja necessidade da substituição da peça.

Os mancais de rolamentos têm a sua instalação bem diversa para variados setores, por possuírem maior praticidade por sua flexibilidade de uso e pela possibilidade de trabalhar com acessórios desenvolvendo um diferencial para cada cliente.

Resumindo, em geral mancais de rolamentos consistem de elementos rolantes como rolamentos de esferas, agulhas ou cilindros que são confinados entre dois anéis concêntricos. São considerados mancais de menor atrito devido a redução do escorregamento. Podemos citar alguns exemplos de elementos rolantes:

Tipos de elementos rolantes

Tipos de esforços

  • Carga Radial: Consiste em um esforço quando aplicado perpendicular ao eixo.
  • Carga Axial: Consiste em um esforço aplicado na direção do eixo.

Manutenção dos mancais de rolamento.

Pela variedade de aplicações em diversos sistemas de rolamentos que esse tipo de mancal possui, é preciso saber e ficar muito atento que cada manutenção seja feita de acordo com o seu funcionamento e em todos os elementos composto nesse sistema. Fique atento a ruídos, temperatura, nível do lubricante, vedações e impurezas. Para os outros elementos é preciso que aja uma manutenção em dia, limpeza, desmontagem e montagem das peças, sempre tomando cuidado com as sujeiras e umidade que possam penetrar no sistema desmontado.

Ainda falando de mancais para rolamentos, existem também os mancais monobloco e bipartido, os mancais monobloco podem ser encontrados em diversas versões, sendo algumas delas: Pedestal, flangeado e tensor são os tipos mais comuns e utilizados no mercado. Eles são produzidos em ferro fundido ou chapas de aço que estão montados com um rolamento de fixação rápida. Para garantir a segurança quando o equipamento está exercendo a sua função, os rolamentos e as carcaças são ajustados um com o outro. Normalmente esse tipo de mancal, o monobloco tem a sua utilização principalmente como rolamento fixo, com baixas cargas e rotações, mas também são adequados como rolamento livre. Esses rolamentos possuem vedações dos dois lados, o que consiste na combinação de uma borracha sintética á prova de óleo e de alta resistência ao calor e também de uma chapa de proteção metálica.

Falando referente a sua utilização, os mancais monobloco tem sua aplicação em diversas máquinas e equipamentos de diversos segmentos como o alimentício, embalagens, papel e celulose, agrícola, açúcar e álcool entre outros. 

Agora falando sobre os mancais bipartido eles têm a sua aplicação em vários segmentos também, sendo eles: Indústria metalúrgica, industrial, química, siderúrgica entre outros. Os mancais bipartido tem uma característica muito especial, pois possuem uma fácil montagem e desmontagem, manutenção simples e de baixo custo, além disso, também possuem um preço competitivo, sendo uma ótima opção em termos de custo-benefício. As caixas com os correspondentes rolamentos montados constituem os mancais bipartido.

Agora você conhece um pouco mais sobre o universo dos mancais. Nós da Rolport Rolamentos trabalhamos com rolamentos industriais e componentes correlatos para diversos segmentos. Conheça nossa empresa, entre em contato e solicite um orçamento. Contamos com uma equipe de vendedores preparada para melhor atende-los e oferecer as melhores oportunidades de negocio para você.

Fique por dentro do mundo dos Rolamentos